A reunião no Conselho Deliberativo do Cruzeiro para votar assuntos da Sociedade Anônima do Futebol (SAF) pode não acontecer. Segundo apurou o portal Itatiaia, um oficial de Justiça está no Barro Preto com um documento que barra a realização do encontro.

Antes do horário previsto para o início da reunião extraordinária do Conselho Deliberativo, marcada para 17h30, um oficial de Justiça entrou na sede do Barro Preto com o documento pedindo o adiamento do encontro.

Segundo o Cruzeiro, o departamento jurídico do clube entrará com um agravo judicial e está trabalhando para derrubar a liminar que impede a realização da votação no Conselho.

 

 

Fonte: Itatiaia

Comentários
COMPATILHAR: